Ilusão

Abri minha caixa de inventos, buscando me livrar de todo um tormento, tentando evitar lamento, e me perco no momento. Momento de reflexão, paixão, confusão, perdição.

Me reconstruo e encaro a perda do que antes escrevia, relia, fazia, numa singularidade ímpar. A beleza dos textos nunca postados me desola, isola, assola.

No emaranhado confuso e difuso que me encontro, vou tão fundo quanto a busca por respostas me permite ir. E na tentativa desesperada de sair, me enrolo, me puxo, me frustro.

Afinal de contas…

Respostas pra quê? Respostas pra quem?

Anúncios

Um comentário sobre “Ilusão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s